Caso clínico interativo #6: Uma evolução inesperada

Tempo de leitura: 1 minuto

O caso clínico interativo desta semana foi enviado pelo Dr. Bruno Farnetano, professor de Clínica Médica da Universidade Federal de Viçosa (UFV) e da UNIFAGOC, em Minas Gerais.

Para participar, leia o resumo do caso clínico abaixo, veja as imagens e clique no link para o questionário do Google, mais abaixo, para enviar suas hipóteses diagnósticas.

Ao final do questionário do Google, você encontrará um link para acessar a continuação do caso clínico, com o diagnóstico final e os nossos comentários sobre este caso.

Participe e chame seus amigos para participarem também!

 

  Caso Clínico Interativo #6

Uma mulher branca de 65 anos, tabagista de longa data, foi atendida no ambulatório com queixa de dispneia crônica, com piora recente há cerca de 1 semana.

Ao exame, estava taquipneica, afebril, com estertores grossos em base pulmonar direita. A radiografia de tórax realizada na ocasião foi a seguinte:

caso clínico interativo #6 - radiografia de tórax inicial - raciocínio clínico

A paciente foi internada com a hipótese de exacerbação aguda de doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC). Apesar do tratamento com antibioticoterapia de amplo espectro e medidas para DPOC, não houve melhora.

No sexto dia de internação, ela evoluiu com piora clínica e deterioração da função pulmonar, e surgiram lesões de pele na região periumbilical, mostradas na imagem abaixo:

caso clínico interativo #6 - lesões de pele iniciais - raciocínio clínico

 

MANDE SUAS HIPÓTESES!

Quais são suas hipóteses diagnósticas?

Responda clicando no link abaixo:

 

Caso clínico interativo #6 - Questionário - Raciocínio Clínico

Comentários